O Wii U poderia ter sido um portátil


O principal recurso de Wii U, com exceção da promessa de jogarmos Mario e Zelda  em alta definição, é seu enorme controle com uma tela de toque no meio. Mas esse controle não foi projetado desde o princípio para ser um controle.

“Durante as mesas redondas de discussões nós nos perguntávamos se deveríamos transformar o controle em um sistema autônomo ou se deveríamos fazê-lo funcionar somente com o console”, disse o presidente da Nintendo, Satoru Iwata, em entrevista ao site Gamasutra. Como um desses GameCube portáteis que vemos por aí, então, só que oficial. Felizmente, a Nintendo desistiu da ideia bem rápido.

“Chegamos à conclusão de que esse controle só iria mostrar as imagens geradas e processadas por uma unidade de hardware — e enviados por este console para o controle sem fio. Isso significa gráficos mais nítidos. Uma bateria não seria capaz de fazer isso.”

Iwata também revelou que o planejamento para o Wii U começou por volta de 2007, quando a Nintendo decidiu pela primeira vez que usar uma segunda tela seria o caminho para seu próximo console doméstico. Ele também disse que outra ideia inicial para o sistema seria ter a segunda tela separada do controle, como um dispositivo autônomo

About rodgames

Um jogador das antigas, que ainda continua na ativa no mundo dos videogames!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: